Destaques

ads slot

Cultura >>> Pretéritos: um convite para desconstruir e encarar o tempo




Você vive o seu tempo? Ou apenas assiste ele passar pela janela? Conheça o pacote de cartas do designer Cesinha Marin, um convite à reflexão sobre o passado e a possibilidade de reescrever o presente

Nem sempre o tempo é vivido no seu tempo. Nem sempre as memórias são lembranças lineares. Nem sempre há tempo para acompanhar o tempo. E afinal, o que é o tempo? Organizado em uma série de cartas, o designer gráfico Cesinha Marin retratou em seu projeto “Pretéritos”, a intertextualidade entre o passado/presente, a não linearidade dos fatos, como um convite ao leitor a uma jornada de conhecimento do temido tempo.

A obra é resultado do concurso (In)Formando Novos Talentos, promovido pelos produtores culturais Mauricio Vieira e Vanessa Múrio. O objetivo do projeto foi o desenvolvimento de um livro utilizando a linguagem fotográfica e o celular como narrativa, além de utilizar os espaços públicos de Curitiba, como o MuMa (Museu Municipal de Arte), que possui uma infraestrutura preparada para receber a arte digital.

Desenvolvido de outubro a dezembro de 2016, período de duração do projeto, Pretéritos utiliza fotos do acervo pessoal de Marin, todas tiradas com celular nos últimos cinco anos. O resultado é uma narrativa com 43 fotos, que posteriormente foram sorteadas de forma aleatória, formando trios e um quarteto. A partir dos grupos de fotos, Marin criou histórias sem uma ordem definida, para que o leitor monte a própria história a partir do conteúdo apresentado de forma nostálgica, por meio da série de cartas.


“Pretéritos ilustra uma realidade desprovida de receios verbais. Narradas através de ‘histórias e estórias fictícias’ tratam de acontecimentos, desejos e memórias do cotidiano, fragmentos de um tempo passado oralizados no presente”, descreve Cesinha Marin. No total são quatorze cartas que imitam a escrita à máquina. “Envelopadas, seladas, carimbadas dentro de um embrulho de papel pardo amarrado por um barbante. Uma temática vintage, que se fez necessária uma vez que o trabalho é endereçado ao passado”, complementa o autor.

Premiado no concurso (In)Formando Novos Talentos, Pretéritos acaba de render uma publicação independente em formato de Livro de Artista (arte realizada em forma de livro), com uma tiragem inicial de 30 cópias, numeradas e assinadas à mão, com muita delicadeza e melancolia de um tempo o qual passou e ao mesmo tempo está muito presente no cotidiano moderno.

Para quem ficou interessado em vivenciar o tempo sob o olhar sinestésico de Marin e também conhecer os demais projetos que participaram do concurso, eles estão em exposição no MuMa até o dia 7 de maio. Ou ainda se você, como grande parte das pessoas, está sem tempo, pode refletir sobre ele agora, acessando esse link: http://bit.ly/2mBcxcx.

Serviço
Exposição 20 finalistas do projeto (In)Formando Novos Talentos no MuMa
Horário de funcionamento: das 10h às 19h – até o dia 07/05/2017
Endereço: Av. Rep. Argentina, 3.432 - Portão, Curitiba (PR)
Telefone: (41) 3329-2801

Especial


Colunistas