Destaques

ads slot

Cidade sem fim, por Josiane Orvatich



A grandeza das pequenas coisas
Um passarinho na palma da mão, fragmentos de corpos nus de mulheres, um brilho no olho do gato, uma tigela quebrada e um menino aparentemente de pijama com o rosto cortado pela porta são algumas das primeiras e pequenas fotografias do artista japonês Masao Yamamoto em exposição no Museu Oscar Niemeyer (MON) até 22 de outubro. A mostra abrange um período de produção entre 1989 e 2016.

A maioria das fotos está em tamanho reduzido e, em muitos momentos, me vi inclinada e mais próxima da parede na tentativa de entrar naquele universo de fundos brancos, bordas rasgadas e quadros captados como que em flagrantes.
 


É constante a imagem de animais, desde uma coruja com o pescoço em rotação e portanto sem rosto, pássaros na mão ou no céu, cachorros que se tocam com o focinho, macacos em fotos que parecem de família ou em árvores soterradas pela neve. Há amorosidade atribuída ao que se costuma considerar um mundo selvagem.
 



A esta doçura vem contrastar a solidão, como na imagem de um homem com tamanho ínfimo retratado à distância e nas de objetos inanimados, postes de luz, um tronco rachado pelo machado, clareiras que parecem aberturas de cavernas, cadeiras, cabides ou pedras agrupadas num mundo aparentemente sem afeto.

Estas impressões, porém, são postas em dúvida pela permanente contestação do entrevisto, dos corpos entrecortados que não surgem por inteiro. Há um simbólico corpo-madeira, metade mulher e metade tronco ou ripa, em que o animado e o inanimado se fundem, desfazendo a divisão do mundo humano, animal ou dos objetos. Fica como tarefa ou vontade nossa, de espectadores, completar as imagens, atribuir a elas um sentido, ainda que passageiro, ou deixar que permaneçam em suspenso, móveis, flutuantes.

Vem ver:
Exposição Masao Yamamoto: o Sensei das imagens pequenas
Local: Museu Oscar Niemeyer
Data: Até 22 de outubro de 2017
Horários: Terça-feira a domingo, das 10h às 18h


Fotos: Murilo Wesolowicz

Fotos das obras: Divulgação



Josiane Orvatich. Escritora e
Editora do site Tempo de Morangos. 

http://tempodemorangos.com.br/


Especial


Colunistas