Destaques

ads slot

Bailarinos do Balé Teatro Guaíra apresentam “Origem”


O trabalho coreográfico “Origem” realizado por bailarinos do Balé Teatro Guaíra (BTG), que não participaram da turnê pela Alemanha, tem a coordenação de Patrícia Machado. As apresentações serão nos dias 14 e 15 de dezembro, às 20h, no palco do Guairão. Os lugares são limitados para 100 pessoas. A entrada será pela portaria da Rua Amintas de Barros.

Este é mais um trabalho que o BTG apresenta dentro do projeto Palco Invertido, no qual o espetáculo é exibido nos fundos do Guairão.

Patrícia Machado, que foi bailarina do BTG durante nove anos, conta que a ideia da coreografia de Origem, surgiu da experiência dela com refugiados vindos da Síria, Haiti e Venezuela.  Por conta da dança, Patrícia também já viveu como imigrante. “Comecei minha carreira como bailarina em alguns países da Europa como Espanha, Portugal, Holanda e durante um contrato e outro, enquanto não tinha os documentos liberados, eu vivi essa história de estar ilegal”.

O trabalho de Residência que resultou na montagem de Origem foi elaborado com os bailarinos, que ouviram as histórias dos próprios imigrantes e assim puderam criar o material coreográfico. “Tenho muitos amigos imigrantes e chamei três músicos Sírios, Myria Tokmaji, Abed Tokmaji e Lucia Loxca que tocarão ao vivo durante a apresentação”, conta Patrícia. A montagem é baseada em relatos de refugiados e pretende mostrar um pouco dessas histórias.

“Para nós bailarinos, faz parte da nossa profissão trabalhar em vários países. Estamos sempre buscando novos territórios, outras cidades para continuar fazendo nossa arte. E hoje a maioria dos integrantes do BTG não é de Curitiba. Eles também sabem o que é estar fora de casa. É claro que não podemos comparar com a situação de alguém que muda de país para estudar ou trabalhar com a dos refugiados, mas se tem uma ideia do que é estar fora de seu ambiente”, diz Patrícia.

Serviço:
Origem - Balé Teatro Guaíra - residência artística
Dias 14 e 15 de dezembro, às 20h
Local: Palco do Guairão
Entrada Franca
Ingressos: limitados para 100 pessoas
Entrada do público será controlada pela Rua Amintas de Barros.

Empreendedorismo - por Rodrigo Okener


Especial


Colunistas

Menu