Destaques

ads slot

Mitos e verdades do marketing - Cuidar do marketing da empresa é importante. Confira as explicações de Davi Alvim





Muitas dúvidas pairam sobre o marketing. Para esclarecer algumas delas, o diretor da Autem Solutions, Davi Alvim, respondeu o que é mito e verdade sobre o tema.

Para lançar um produto, não preciso saber meu público-alvo e fazer pesquisa de mercado. 
Davi Alvim: Mito. Ao lançar um produto, a empresa deve saber quem serão os compradores, o quanto eles estão dispostos a pagar e se a proposta do produto, seus diferenciais ou vantagens, são vistos da mesma forma pelo público e não apenas pelos seus criadores.

Se eu reduzir custos, não afeto o marketing. 
Davi Alvim: Em termos. A questão toda é se os investimentos estão no lugar certo. Nem sempre mais investimento em marketing significa mais clientes. Avaliar as ações e mensurar se os objetivos de cada ação estão sendo cumpridos pode dar um norte e até mesmo gerar algumas reduções inteligentes.

Sem marketing vou conseguir engatar minhas vendas rapidamente.
Davi Alvim. Mito. Fazendo uma analogia, seria o mesmo que atirar no escuro. Claro, há a possibilidade de acertar no alvo, mas a chance disso acontecer é extremamente pequena.

O feedback dos clientes é importante para a melhora do meu produto para o futuro.
Davi Alvim: Verdade. Com toda certeza ninguém melhor para avaliar e sugerir melhorias no seu produto do que aqueles que o compraram e utilizaram. Manter um canal de comunicação com os clientes, o chamado pós-venda, é o melhor caminho para produtos com maior aceitação pelo mercado.

Minha empresa é pequena, então marketing não é uma prioridade.
Davi Alvim: Mito. Este é um erro comum de quem está começando. Na verdade, quanto menos recursos uma empresa possui mais ela deve pensar em marketing. O planejamento assertivo da comunicação e a definição correta do público-alvo reduzem custos e otimizam os esforços de venda.

A melhor forma de fechar vendas é com promoções e descontos.
Davi Alvim: Em ternos. Estratégias de redução de preço por um determinado período de tempo são em geral uma maneira de conduzir o consumidor para o fechamento da venda, mas essa é uma estratégia que precisa ser trabalhada com cuidado. Além de reduzir a lucratividade, o uso excessivo desta estratégia pode mudar o posicionamento da marca, e com isso obrigar o empresário a trabalhar com valores abaixo do desejado. Outro ponto importante é que este tipo de estratégia só influencia os consumidores que de alguma forma já estavam propensos a comprar, não o mercado como um todo.

Minha empresa é B2B (só vendo para outras empresas) então não preciso de marketing.
Davi Alvim: Em termos. Certamente a forma de pensar nas estratégias de um setor para outro é diferente. As compras no mercado corporativo são normalmente mais racionais e lógicas. A importância do marketing é trabalhar no sentido de orientar a força de vendas, criar um valor adicional para a marca e dar subsídio para evitar uma guerra de preço com os concorrentes.

Já tenho uma empresa de publicidade me atendendo, ela faz o marketing para mim.
Davi Alvim: Mito. Publicidade e marketing são coisas diferentes. A analogia é que o marketing está para a engenharia assim como a publicidade está para a arquitetura. O primeiro está preocupado com a estrutura, e o segundo com o design. Ambos são importantes, mas a publicidade sem o direcionamento do marketing acaba sendo pouco efetiva, assim como o marketing sem o toque da publicidade não tem a beleza e as sutilezas tão importantes para a comunicação.


Instagram @curitibaemdestaque


Curitiba em Destaque

Colunistas

Menu