Destaques

ads slot

PSICODÁLIA DIVULGA A PROGRAMAÇÃO MUSICAL DIÁRIA DO SEU CARNAVAL 2019


A escalação dos artistas reafirma a política do festival de unir novos nomes com figuras consagradas da música em seu line up

Público no Palco Lunar em 2018
(Foto: José Tramontin)

O Psicodália, um dos maiores festivais multiculturais 100% independentes do país, anuncia as datas e horários por palco da edição 2019. O evento acontece de 1º a 6 de março em Rio Negrinho (SC), a 96 km de Curitiba (PR).

Grandes artistas apresentam seu último trabalho lançado, como Elza Soares com “Deus é Mulher”, Xênia França com “Xênia”, Anelis Assumpção com “Taurina”, Letrux com “Em Noite de Climão”, Mulamba com “Mulamba”, Cordel do Fogo Encantado com “Viagem ao Centro da Terra”, Dona Onete com “Banzeiro” e muitos outros. Tom Zé, com “Grande Liquidação”, Pepeu Gomes, com “Geração de Som”, Patrulha do Espaço, com o álbum homônimo, e Bacamarte, com “Depois do Fim”, são quatro grande artistas que apresentam no Psicodália 2019 seus álbuns de estréia.

A escalação do line up reafirma a política de união de nomes consagrados com revelações musicais em um mesmo festival. “A história do Psicodália foi construída com base em dois principais ideais musicais: trabalhar para criar espaço para os novos artistas, que foi a ideia embrionária do festival, e valorizar os grandes artistas que conduziram a música brasileira e mundial até onde estamos. Muitos desses artistas continuam na ativa”, explica Klauss Ferreira, diretor do evento.

A programação diária começa às 10h da manhã no Palco Lago, à tarde segue para o Palco Sol, à noite para o Palco Lunar e, na madrugada, no Palco Guerreiros. Com exceção do primeiro dia, sexta-feira, cujo primeiro show é às 20h, no Palco Lunar. A seguir, a programação musical diária completa.

Dia 1º de março, sexta-feira
Palco Lunar
20h: Samuca e a Selva
22h: Amaro Freitas
00h: Elza Soares

Palco Guerreiros
02h: Patrulha do Espaço
03h30: Hurtmold

Dia 2 de março, sábado
Palco Lago
10h: Gali
11h15: As Yiagbás
12h30: Soema Montenegro

Palco Sol
14h: Irmão Victor
16h: Sofia Viola
18h: Tom Zé

Palco Lunar
20h: Xênia França
22h: Cordel do Fogo Encantado
00h: Dona Onete

Palco Guerreiros
2h: Kiko Dinucci
3h30: Bandinha Di Da Dó

Dia 03 de março, domingo
Palco Lago
10h: Nanan
11h15: Horrorosas Desprezíveis
12h30: Bike

Palco Sol
14h: Gloire Ilonde
16h: Corte
18h: Azymuth

Palco Lunar
20h: Lucinha Turnbull
22h: Pepeu Gomes
00h: Chico Trujillo

Palco Guerreiros
02h: Trabalhos Espaciais Manuais
03h30: Mamamute

Dia 04 de março, segunda-feira
Palco Lago
10h: Plá
11h15: Diego Perin
12h30: Luiz Gabriel Lopes

Palco Sol
14h: Leo Fressato
16h: Escambau
18h: Anelis Assumpção

Palco Lunar
20h: Jorge Mautner
22h: Hermeto Pascoal
00h: Confraria da Costa

Palco Guerreiros
02h: Abayomy
03h30: Picanha de Chernobyl

Dia 05 de março, terça-feira
Palco Lago
10h: Banda Nã
11h15: Cao Laru
12h30: Ramona and The Red Vipers

Palco Sol
14h: Culto ao Rim
16h: Aiace
18h: Hamilton de Holanda

Palco Lunar
20h: Bacamarte part. Jane Duboc
22h: Mulamba
00h: Letrux

Palco Guerreiros
02h: Tuatha de Danann
03h30: Machete Bomb

Psicodália @ Rio Negrinho (SC)
Data: de 1º a 6 de março de 2019
Local: Fazenda Evaristo - Rio Negrinho/SC.
Ingressos: A partir de R$ 480,00 (meia-entrada). Os bilhetes estão à venda no site Disk Ingressos.
Classificação: 18 anos

SOBRE PSICODÁLIA
Psicodália é o maior festival multicultural 100% independente do país, que abre espaço para diversos cenários artísticos e culturais. Na música, encontram-se presentes o rock’n’roll e suas vertentes, como e o rock progressivo e o psicodélico, o rock rural, e também estilos como o jazz, blues, mpb, soul, reggae e músicas regionais. Atualmente, o festival é realizado na cidade de Rio Negrinho – SC (120km de Curitiba), e desde 2006, ocorre anualmente no Carnaval, o que faz com que o Psicodália tenha se tornado uma alternativa para quem deseja um programa diferente para esse período. O festival, que está em sua 22ª edição, tem como uma das ideologias o apoio à diversidade, respeito à natureza e conscientização ecológica, e trabalha com um programa de gerenciamento de resíduos onde todo o lixo gerado no festival é destinado. Como uma das alternativas para reduzir a produção de lixo, é oferecido aos participantes copos reutilizáveis, onde é possível servir bebidas com refil. Além disso, o lixo é reciclado e há diversas lixeiras bem posicionadas e sinalizadas. Em quase 20 anos, o festival já soma mais de mil apresentações musicais realizadas. Além dos shows, também são promovidas atividades culturais que envolvem dança, teatro, circo, música, ecologia e saúde, assim como a exibição de filmes e peças de teatro, recreações adulto e infantil, exposições, bazar, entre outros.

Instagram @curitibaemdestaque


Curitiba em Destaque

Colunistas

Menu