Destaques

ads slot

Combate à violência: nova marca social desperta e evidencia a beleza escondida de cada mulher


A Beleza Escondida é uma iniciativa de enfrentamento aos abusos contra mulheres e na ampliação de redes de proteção em todo o Brasil


A luta por direitos humanos no enfrentamento à violência contra as mulheres ganha um importante apoio de mobilização social em todo o Brasil. Combater à causa para minimizar a criminalidade, empoderar mulheres e mães e, principalmente, ampliar a rede de proteção são os principais objetivos da Beleza Escondida (BE), marca de engajamento social na luta para redução da violência. A BE busca criar medidas que geram impactos positivos em toda a sociedade no combate a cultura da tolerância e banalização dos abusos contra a mulher.

A Beleza Escondida, como o próprio nome sugere, pretende empoderar mulheres na procura de apoio, no incentivo às denúncias de violência – especialmente doméstica, na redução do índice nacional do feminicídio, na diminuição do número de crianças em acolhimento e, como desejo, tornar a rede de proteção uma política pública nacional de assistência social que financia o acolhimento conjunto, entre mães e filhos. “Buscamos um legado social como forma de promoção da segurança da mulher, que hoje sofre com índices alarmantes”, explica Alessandra Vidmontas, coordenadora de projetos da Beleza Escondida, marca social criada com a missão de despertar e evidenciar a beleza escondida de cada mulher. “O objetivo é valorizar o potencial e apoiar a superação das cicatrizes que muitas mulheres carregam pra vida toda”, reforça.

O crescimento de registros de crimes contra as mulheres reforçam a necessidade do enfrentamento e mobilização nacional. Em 2018, foram registradas mais de 90 mil denúncias direcionadas ao canal da Mulher do então Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. O número é 25% maior referente ao ano anterior. Para efeito comparativo e dimensão da gravidade, 391 mulheres foram agredidas por dia no Brasil em dezembro do ano passado.  O índice do feminicídio também aumentou e passou para mais de sete mil casos no último ano.  Do total de denúncias, mais de 30 mil são referentes à violência física, 15 mil de violência doméstica e familiar e sete mil são tentativas de feminicídio.

De acordo com informações do Fórum Brasileiro de Segurança Público, todos os dias 12 mulheres são assassinadas no Brasil, isto significa que uma mulher é assassinada a cada duas horas; boa parte do índice são crimes motivados pela condição de gênero O relatório da Organização Mundial da Saúde (OMS) mostra o Brasil na 7ª posição entre as nações mais violentas para mulheres.

Empreendedorismo social

Baseado nos altos índices de criminalidades contra mulheres, a BE pretende lutar pela causa do abuso como contribuição na redução da violência e, sobretudo, fomentar as instituições protetivas que existem pelo Brasil. “Em parceria com os apoiadores pretendemos promover o desenvolvimento e ampliar os locais seguros e acolhedores para mulheres e seus filhos em todo o Brasil”, pontua Alessandra.

Hoje, a Beleza Escondida já oferece apoio a projetos que acolhem 200 mulheres com filhos, por ano, que são vítimas de violência doméstica. “As estatísticas mostram que, em razão do medo de perder a guarda dos filhos, as mulheres não abandonam os agressores. Neste sentido, entendemos a importância de ampliar os espaços protetivos em conjuntos, que sejam adequados para mães com filho”. Segundo a coordenadora da marca, a expectativa é ampliar a rede de proteção para todas as capitais do país e também nas maiores cidades, com foco no acolhimento conjunto.

Mobilização da marca social

A atuação da marca social seguirá três pilares de negócios: mobilização para captação de recursos financeiros, investimentos em casas protetivas de mulheres com filhos e na replicação do modelo de acolhimento conjunto e na incidência em busca de articulação e parcerias com instituições do poder público e privado. “A BE irá assessorar e oferecer apoio técnico por meio de oficinas, capacitações e consultorias”, destaca.  A marca que simbolizar o amor, o acolhimento e a paixão será lançada oficialmente nesta sexta-feira (22), em Curitiba. “Vamos gerar debates significativo que possam impactar positivamente a sociedade. Buscamos parceiros socialmente conectados à causa”, finaliza Alessandra.

Abaixo ilustrações criadas pela marca colaborativa Moko em apoio à Beleza Escondida:

Instagram @curitibaemdestaque

Novidades

Visualizações do portal no mês passado


Curitiba em Destaque


Menu