Destaques

ads slot

Assumir o cabelo branco não é descuido, é estilo: veja 8 dicas para manter os fios deslumbrantes


Xampu específico, evitar secador e hidratação podem ajudar a manter o cabelo saudável

Deixar os fios de cabelos brancos a mostra é cada vez mais comum entre homens e mulheres a partir de 50 anos. Longe de ser descuido, é uma questão de estilo. Atualmente, os cabelos grisalhos estão na moda e já há quem busque descolorir o cabelo para atingir o branco perfeito. Famosos como Fernanda Young, as jornalistas Sandra Annenberg e Carla Vilhena, a cantora Pink, o apresentador Otaviano Costa, os atores George Clooney, Jeffrey Dean Morgan e Matt LeBlanc já exibem as suas madeixas grisalhas.
A psicóloga Ana Luiza Feres, 50 anos, de Ribeirão Preto (SP), resolveu manter os cabelos grisalhos há quase três anos. “Parei de tingir o cabelo e comecei a minha transição para o grisalho em julho de 2016. E estou adorando. Sou super entusiasta, acho que todas as mulheres que queiram, deveriam assumir os cabelos brancos. Para mim, fez muita diferença essa mudança porque tem a ver com não querer parecer mais jovem do que sou. Estou mais feliz assim”, conta ela.
De acordo com o dermatologista Caio Lamunier, do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP), o branqueamento do cabelo é provocado pela perda dos melanócitos, que são células capazes de produzir a melanina, que é justamente o que dá cor aos fios. A perda desses melanócitos, portanto, é um processo comum do envelhecimento, mas que está determinado pela genética. É por essa razão que algumas pessoas começam a ter fios brancos mais cedo do que outras.
A dermatologista Adriana Vilarinho, da Clínica Vilarinho, explica que os fios brancos têm uma textura mais frágil e maior maleabilidade que os pigmentados, são mais sensíveis às agressões externas e têm as cutículas dos fios abertas com maior facilidade, o que, muitas vezes, provoca aquele aspecto de frizzao cabelo. Os fios brancos apresentam textura mais frágil e maior maleabilidade que os pigmentados; são mais sensíveis também às agressões externas e têm as cutículas dos fios abertas com maior facilidade, o que muitas vezes dá aquele aspecto de “frizz” ao cabelo.
O estresse, por exemplo, pode ajudar a acelerar o processo de branqueamento do cabelo. Isso acontece porque ele aumenta a produção de radicais livres que, por sua vez, provocam uma inflamação naqueles fios que, geneticamente, já estavam programados para branquear um dia.
Adeus, tintura
O especialista listou algumas dicas de cuidados com os cabelos brancos. Veja como seguir a tendência e manter os fios saudáveis e sedosos.
  1. Hidratação: aquele espaço antes preenchido pela melanina, agora está poroso. É por essa razão que os cabelos brancos são mais leves e arrepiados. Para contornar o problema, o ideal é caprichar na hidratação semanal. Escolha uma máscara hidratante, de preferência com queratina, aminoácidos ou óleos vegetais, e aplique no cabelo, seguindo as recomendações da embalagem.“Para as pontas, a hidratação deve ser mais intensa para aqueles fios mais ressecados, com o uso de máscaras de hidratação de 1 a 2 vezes por semana e o uso diário de condicionadores com propriedades para fechar as cutículas. Em pontas com menor tendência a ressecamento, pode-se usar as máscaras apenas 1 vez por semana”, explica Adriana.
  2. Cuidado na hora de escovar: há pessoas que são quase que agressivas ao escovar os cabelos. Quando eles se tornam brancos, porém, é bom maneirar. Esse cuidado se deve à porosidade dos fios brancos, que se tornam mais quebradiços. Por isso, trate seu cabelo com bastante carinho.
  3. Use e abuse do leave-in: além da hidratação semanal, use um bom leave-in nos cuidados diários com o cabelo. Esse creme sem enxágue vai atuar também na hidratação do cabelo até a próxima lavagem, deixando os fios brilhantes e saudáveis.
  4. Use xampus específicos: já viu na prateleira da farmácia aquele xampu cinza ou roxo? Pois é! Eles são ideais para usar nos fios brancos, pois impedem que eles fiquem com aspecto amarelado. No entanto, fique atento à formulação deles, que precisa conter ativos hidratantes para manter o cabelo saudável. Vale usar também um shampoo – recomendado por um dermatologista – que possa colaborar para manter o pH dos fios”, explica Adriana.
  5. Proteja os fios do sol: Lamunier explica que os raios ultravioletas podem aumentar o ressecamento dos fios brancos, que já não contam com a proteção da melanina contra o sol. Por isso, use produtos com filtro solar nos fios ou, se preferir, aposte em um chapéu quando for se expor ao sol de forma prolongada.
  6. Evite usar secador e prancha: o calor desses aparelhos pode danificar ainda mais o fio, que é mais quebradiço do que os cabelos naturalmente coloridos. Por isso, programe-se para lavar o cabelo em horários que pode deixar secar de forma natural, e, quando for usar o secador ou prancha, jamais esqueça de aplicar um protetor térmico nos fios.
  7. Aproveite que os fios estão mais grossos: quando o fio se torna branco, a estrutura dele também se transforma. Pode reparar: eles são mais grossos do que os naturalmente coloridos, e isso gera mais volume para o cabelo. Esse fato ajuda a pensar em novos cortes de cabelo que emolduram o rosto. Use isso ao seu favor e desfile um branco cheio de estilo por aí.
  8. Não arranque os fios: em hipótese alguma arranque um fio branco, caso você ainda não tenha aceitado a cor natural deles. Isso só gera trauma na raiz do cabelo e não resolve a situação, já que o fio vai nascer novamente branco. O ideal, portanto, é pesquisar jeitos diferentes de usar os fios ao natural e, claro, cuidar deles para mantê-los sempre hidratados e saudáveis.

Instagram @curitibaemdestaque

Novidades


Curitiba em Destaque


Menu