Destaques

ads slot

Byke Station vence Rocket Startup


Seis iniciativas apresentaram projetos que encantaram principalmente público de casa, que movimentou quase 150 mil votos e teve papel decisivo na competição


O Rocket Startup, com formato original RPC – afiliada da Rede Globo no Paraná – chegou ao fim com muita repercussão no Brasil e exterior. Foram seis webepisódios, transmitidos no site da emissora, e a final foi ao vivo no dia 10 de setembro, dentro de uma cápsula de vidro no evento Viasoft Connect 2019, em Curitiba.
Mais de 200 iniciativas se inscreveram para participar do Rocket Startup, seis foram selecionadas e apresentaram projetos inovadores no último episódio. Além de concorrer ao tão desejado prêmio, elas disputaram quatro vagas de mentoria dos stars, executivos e investidores. Mas a vitória ficou com a Byke Station. A startup conquistou principalmente o público de casa, que contribuiu com grande parte dos votos.
O prêmio é uma viagem para centros de inovação no Brasil e R$ 8mil em ações de consultoria direcionada. Sandro Wuicik, um dos vencedores, analisa que desde o começo, no momento da inscrição para o reality, já havia uma expectativa muito grande da dupla.
"Queríamos muito estar aqui, no primeiro reality show de startups da televisão brasileira. Quando ficamos sabendo que fomos uma das seis selecionadas, já começou uma nova experiência, um sonho", destaca um dos fundadores da Byke Station.
"Ali já foi uma vitória! A divulgação que a RPC dá é fantástica, é a força que a startup precisa. Foi um baita empurrão. Um projeto que começou em um sonho de transformar a mobilidade para ajudar os ciclistas, e levar esta visibilidade para a televisão e internet foi demais. É mais uma etapa deste sonho, com certeza está só no começo", complementa Eduardo Córdoba, outro integrante da equipe vencedora.
A startup de vending machines é 100% automatizada para ciclistas. As máquinas, que vendem itens como câmaras para pneus, protetor solar e até seguros, têm um custo operacional de cerca de R$ 300 mensais com rendimento de R$ 1,5 mil de faturamento líquido por mês. Além de conquistarem a competição, terão a mentoria de Caique Ferreira, diretor de comunicação da Renault do Brasil por 60 dias.
"Na fase de escolha da mentorias dá vontade de escolher todas, mas não pode e acabei escolhendo por afinidade. Escolhi a Byke Station porque tem muito a ver com o que tem acontecido com a sociedade. É a transformação da mobilidade, de uma solução simples de bicicleta, e é o que vem para ajudar alguém. Além disso, vejo muito potencial em agregar outros serviços a esta ideia brilhante que eles já tiveram. Fiquei muito feliz, e ainda escolhi um projeto que acabou sendo o vencedor", comemora Caique.
O diretor de comunicação analisa como é difícil inovar atualmente. "A RPC está de parabéns por ter traçado esta ideia e pela organização do evento. Quando se fala em inovação não é simples, principalmente transformar a inovação em algo concreto. E vejo isso em todas as ideias do reality, muito boas, focadas e palpáveis para resolver os problemas e as dores do público em geral", destaca o executivo.
As startups Giro.Tech (fintech), Adam Robô (saúde) e The Market (gastronomia) também foram selecionadas para receber mentorias exclusivas. A primeira de Itamir Viola, Fundador e CEO da Viasoft; a segunda de Agnaldo Lopes, Fundador e presidente do Grupo ABL; e a seguinte de Cris Alessi, Presidente na Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação, respectivamente.
Em modelo inovador, o Rocket Startup uniu formato de programa de entretenimento de televisão, com distribuição multiplataforma, participação digital e interatividade do público, que podia votar e dar um combustível turbo aos concorrentes. Foram quase 150 mil votos que tiveram papel decisivo no resultado da competição.
Alexandre Gurtat, coordenador do projeto, comemora o sucesso do Rocket Startup. "Ficamos impressionados com o número de inscritos, foram 200 startups motivadas a mostrar seus projetos. Ficamos surpresos também com a força do público, que com a grande participação definiu o resultado da competição, assim como a própria repercussão do reality pelo mundo. E conseguimos finalizar nosso reality com uma grande festa, mostramos que conseguimos engajar e gerar experiência para a nossa sociedade.", promete Gurtat.
Eduardo Boschetti, diretor geral da RPC, ressalta que este o projeto foi um marco na história da RPC e também para os ecossistemas de inovação e empreendedorismo. "Colocamos no ar um reality inédito, com formato original RPC. Foi um trabalho conjunto, com muito esforço e alinhamento dos nossos times comercial, programação, produção, engenharia, e tecnologia da informação. Nosso objetivo é sempre oferecer para o nosso público projetos inovadores que contribuam para gerar negócios aqui no Paraná e também em outras regiões do nosso país", comemora Boschetti.

Instagram @curitibaemdestaque

Novidades


Curitiba em Destaque


Menu