Destaques

ads slot

It – Capítulo 2 fecha nova adaptação de livro de terror de Stephen King. FILMES, por Rudney Flores



O palhaço Pennywise (Bill Skarsgård) retorna 27 anos depois para aterrorizar os habitantes da fictícia cidade de Derry.
Crédito da foto: Divulgação/Warner Bros.


O palhaço do medo Pennywise, criação do escritor Stephen King, retorna às telas em It – Capítulo 2, sequência de It – A Coisa, filme de sucesso lançado em 2017, que obteve a maior bilheteria do gênero na história (US$ 700 milhões). O argentino Andy Muschietti comanda novamente a produção de terror, que conta com atores conhecidos em seus papéis centrais, como James McAvoy (Fragmentado), Jessica Chastain (A Hora Mais Escura) e Bill Hader (oriundo do clássico humorístico Saturday Night Live).

Aparentemente derrotado pelas crianças do Clube dos Perdedores em 1989, Pennywise (Bill Skarsgård) reaparece 27 anos depois para mais uma vez aterrorizar a fictícia Derry, no interior dos Estados Unidos. Ao perceber a nova ameaça, Mike (Isaiah Mustafa), único da turma a permanecer na cidade natal depois de adulto, entra em contato com os demais companheiros para que retornem e mantenham o pacto de enfrentar outra vez palhaço do mal.

Bill (McAvoy), Beverly (Chastain), Richie (Hader), Ben (Jay Ryan, da série A Bela e A Fera) e Eddie (James Ransone) voltam a Derry e, aos poucos, vão se lembrando quem é Pennywise, que havia sumido de suas memórias, e terão que enfrentar seus medos para eliminar definitivamente o temido oponente.

O que se constata na nova produção é o investimento maior, visualmente perceptível nas cenas de terror, que contam com inúmeros efeitos especiais – algumas sequências são marcantes, como a reunião do grupo no restaurante, ou a visita de Beverly ao seu velho apartamento, com um encontro apavorante com uma senhora, possível filha de Pennywise. Mas são sustos efêmeros, elencados em profusão na extensa duração do filme, seu principal problema. Seria possível cortar muita coisa dos quase intermináveis 169 minutos da fita.

Muschietti tem como ponto positivo a escolha dos atores adultos, muito parecidos com os mais novos do primeiro filme – e a maioria com boas atuações. Há também alguns momentos divertidos – as tirações de sarro entre Richie e Eddie, as pontas de Stephen King e o veterano cineasta Peter Bogdanovich (do ótimo A Última Sessão de Cinema), assim como às referências a outras obras e personagens do autor de It.

Mas é investido muito tempo na relação de cada personagem com Pennywise, quais os traumas e medos que causa em todos, além dos diversos flashbacks da turminha, com detalhes para mostrar e fortalecer sua união e que não apareceram no filme inicial – os jovens atores de It – A Coisa retornam e houve grande manipulação digital para deixá-los crianças novamente, pois alguns deles se tornaram adolescentes mais altos, mas isso não é perceptível na tela. Há também o desnecessário arco do personagem Bowers.

Por outro lado, a parte do ritual necessária para enfrentar o palhaço assassino é pouco explicada ou desenvolvida, o que afeta o final, que se torna quase desinteressante. E Pennywise é muito exposto visualmente, perdendo grande parte de sua aura assustadora – o terror psicológico, do personagem que fica mais nas sombras, sempre causa mais medo. O resultado é um filme inferior ao antecessor. Cotação: Regular.

Trailer de It – Capítulo 2:


Outras estreias

Astro do cinema latino e internacional, Gael Garcia Bernal (Diários de Motocicleta) também se arrisca atrás das câmeras. O ator/diretor apresenta Chichuarotes, seu segundo-longa-metragem, produção que mistura comédia e drama para contar a história de Cagalera (Benny Emmanuel) e Moloteco (Gabriel Carbajal), amigos que moram na periferia da Cidade do México.

Com problemas familiares e vivendo de bicos no trabalho, a dupla decide realizar pequenos assaltos para sobreviver e conseguir recursos para sair de sua região. O filme estreia no Cine Passeio e no Espaço Itaú.

Trailer de Chicuarotes:


Presença constante no Festival de Cannes, a diretora japonesa Naomi Kawase (O Sabor da Vida) tem a parceria da oscarizada Juliette Binoche (O Paciente Inglês) em Vision, seu mais recente trabalho. A atriz francesa vive Jeanne, uma escritora que vai ao Japão em busca da mítica Vision, uma planta que teria poderes medicinais.

Durante a jornada, Jeanne conhece e se envolve com Satoshi (Masatoshi Nagase), que se diz protetor da montanha onde vive e na qual a erva pode estar localizada. A produção tem sessões no Espaço Itaú e no Cine Passeio.

Trailer de Vision:


Ambientado na Segunda Guerra Mundial, grande episódio da história retratado com recorrência no cinema, A Tabacaria, do diretor Nikolaus Leytner, tem foco na história do jovem Franz (Simon Morzé), recém-contratado para trabalhar na loja descrita pelo título, localizada na Áustria.

A tabacaria tem como frequentador ilustre Sigmund Freud (o grande ator Bruno Ganz, de A Queda e Asas do Desejo, morto este ano, em um dos seus últimos trabalhos). O psicanalista dá conselhos a Franz, que está apaixonado por Anezka (Emma Drogunova). A situação no país, anexado pela Alemanha, começa a se complicar com o começo da perseguição aos judeus pelos nazistas, e os personagens centrais precisam decidir se ficam ou permanecem na região. O filme tem lançamento no Cineplex Batel, Espaço Itaú e Cine Passeio.

Trailer de A Tabacaria:


A animação belga Corgi – Top Dog, dos diretores Ben Stassen e Vincent Kesteloot, apresenta as aventuras de um cãozinho que é o preferido do palácio real da Bélgica. Amado e mimado pela rainha, Corgi vive com todas as mordomias, mas acaba causando uma grande confusão em um importante jantar dos reis com o presidente norte-americano Donald Trump. Assustado, ele foge do palácio e acaba preso em um canil. Ninguém acredita em sua história na corte, mas Corbi precisa voltar, pois outro cachorro pretende tomar seu lugar como preferido do reino.

Trailer de Corgi – Top Dog:


A documentarista Theresa Jessouroun (Samba) une ficção e documentário na produção O Corpo É Nosso! O filme debate a questão da liberdade do corpo feminino, destacando temas como machismo, racismo e preconceito. Os atores Renato Góes, Roberta Rodrigues e Oscar Magrini vivem os personagens principais da trama recortada por depoimentos reais. O filme estreia apenas no Espaço Itaú.

Trailer de O Corpo É Nosso!:
_


Instagram @curitibaemdestaque

Novidades


Curitiba em Destaque


Menu