Portal PontoPonto incentiva economia sustentável promovendo trocas on-line

 em Novidades, Tendências

Todo mundo tem aquele momento de fazer a limpa nos armários e retirar o que não usa mais, não é mesmo? Agora, já pensou que esses produtos sem utilidade podem gerar novas aquisições para você ou sua casa?

Essa é a proposta do PontoPonto, uma plataforma de trocas on-line inédita no Brasil. Por meio do cadastro dos produtos valorados em pontos – cada ponto equivale a um real – é possível montar uma “lojinha” virtual própria. Com isso feito, já é possível iniciar as trocas. Os pontos funcionam como uma moeda virtual, deixando a transação mais simples e independente do interesse mútuo por itens em comum, fundamento básico do processo de troca.

“Com a chegada da pandemia, tivemos que nos adaptar a novas formas de nos relacionar com tudo, passamos a olhar mais para nós, para o próximo, e para o mundo onde vivemos. A forma de consumir, também mudou. Seja por consciência, seja por necessidade de economia que a crise trouxe. A reutilização, o reaproveitamento, a reciclagem ganharam novo fôlego. E pensando em trazer uma alternativa sustentável, criativa e on-line é que criei o PontoPonto. Foi um projeto que nasceu com a pandemia e que acredito muito em seu potencial de negócio”, conta Tairone Passos, empreendedor à frente do PontoPonto e que há 20 anos criou o primeiro classificado de carros on-line, o Só Carrão.com.br.

Ao se cadastrar o usuário já ganha um “bônus” de 1.500 pontos. Porém esse valor fica em quarentena, sendo liberado conforme os produtos sejam cadastrados. Isto é, ao cadastrar um vestido equivalente a 100 pontos, por exemplo, o usuário já libera 100 pontos para trocar por algum outro produto anunciado na plataforma, e assim por diante. “Com isso conseguimos incentivar e movimentar as transações nesse primeiro momento em que as pessoas estão em fase de experimentação do PontoPonto”, explica Passos.

Economia criativa e sustentabilidade
O projeto PontoPonto teve investimento de suor, ideias e financeiro próprios de Tairone e os sócios Diego Vieira do Amaral e Dener José Barbosa. Com toda a experiência e conhecimento ao longo dos 20 anos à frente do SoCarrão, o empreendedor viu a oportunidade de trazer algo que pode realmente mudar a vida e ajudar famílias. O potencial financeiro da plataforma também é grande, por ser altamente e facilmente escalonável, sem fronteiras.

“Acredito que o PontoPonto tem o potencial de dar acesso a produtos que algumas pessoas não teriam, e tornar mais fácil a aquisição de bens. Também ajuda no ‘arrependimento’ da compra por impulso, pois é possível logo trocar por algo no site, já temos cadastrados muitos itens novos. Dessa forma, a renda familiar pode ser direcionada para coisas mais essenciais como educação, saúde e sustento. Se uma família não precisar mais comprar ou puder reduzir seu investimento em roupas e brinquedos para as crianças, ela poderá investir em ações que melhorem sua qualidade de vida”, explica.

O objetivo principal é formar uma rede em que pessoas possam trocar experiências a partir de itens compartilhados e, assim, deem muito mais tempo de uso a objetos e utilidades, gerando menos descartes, lixo e desperdício. Há espaço para todos os tipos de produtos e gostos: eletrônicos, casa, decoração, móveis, livros, infantis, roupas, etc.

Os cadastros e anúncios passam por uma moderação para identificar se o item anunciado está em uma faixa de preço aceitável ou não, também o anunciante passa por avaliação manual por meio do envio de documentos. O usuário anunciante não paga ao anunciar o produto, já quem pega um item paga o valor em pontos mais 14% sobre este valor convertido em reais. A entrega é combinada entre as partes.

Para começar a anunciar basta acessar o site pontoponto.com, vídeos estão disponíveis para ajudar no processo de cadastro https://youtu.be/FZ67ObBh4kM. Siga no Instagram: @pontoponto.comof

Postagens Recentes

Deixe um Comentário