Trupe Ave Lola lança livro Nuon em formato drive-thru

 em Cultura, Eventos

Falar sobre as pessoas que não provocam a guerra, mas que estão submetidas a ela. Este foi o desejo que moveu a Trupe Ave Lola em direção à montagem do espetáculo Nuon, em 2016, cuja dramaturgia será lançada em livro, com direito aos detalhes sobre o processo de criação. Nuon – Dramaturgia e Memórias do Processo de Montagem terá distribuição gratuita em evento que acontecerá no sistema de drive-thru na sede da companhia, no dia 7 de agosto, entre 15 e 18 horas.

Nuon, a peça, conta a história de uma cambojana, sobrevivente da guerra que assolou o Camboja na década de 1970. No livro, Ana Rosa Tezza, dramaturga e diretora, fundadora da companhia, conta como surgiu o interesse por fazer a peça e sobre como chegou a ser questionada sobre as razões que levaram uma artista brasileira a falar sobre um país tão longínquo.

A publicação traz ainda relatos sobre os procedimentos adotados pela trupe em seus processos de criação. A autora discorre sobre como nasce o interesse por determinado assunto, como é feita a escritura da peça e a forma como este texto se revela em uma dramaturgia estendida para a luz, o cenário, figurino, linguagem cênica e tudo aquilo que se dá a ver no palco. O livro conta com um interessante diálogo entre a dramaturga-diretora e toda a equipe de atores, técnicos e produtoras. Na trupe, o processo nunca é linear: escrever o texto, escolher os atores e montar a peça.

“Até hoje, a dramaturgia que eu crio nunca veio pronta. Começa com uma ideia que esboço num papel e compartilho com a equipe. Grande parte do texto se desenvolve na medida em que as cenas vão aparecendo, a partir de improvisações coletivas ou individuais. Vou assistindo ensaios, reviso textos, proponho outros e, às vezes, os atores e atrizes trazem ideias que gostariam de dizer em cena e escrevo. O texto tem minha assinatura, mas aquilo a que chamamos de dramaturgia da cena, ou seja, o conjunto de elementos que compõem a peça, é bastante colaborativa”, explica Ana Rosa.

E o que o tema tem a ver com nosso tempo? “Todas as guerras são iguais. Todas destituem o homem de sua dignidade, colocam o ser humano em um lugar de vulnerabilidade incontrolável; a gente perde alteridade, autonomia”, observa a dramaturga. Ana e sua trupe estão atentos ao fato de que infelizmente as guerras estão acontecendo em praticamente todos os continentes. “Parece que naturalizamos os estados de violência. Mas eles estão acontecendo constantemente. Podemos dar outros nomes: conflito com a milícia, terrorismo, violência urbana. Quando falamos sobre essa guerra, queríamos falar sobre as pessoas que não provocam a guerra, mas estão submetidas a ela”, afirma.

“Sabemos da potência do teatro para suscitar e provocar a reflexão sobre questões fundamentais para a humanidade. Compreender os mecanismos que suscitam a violência na sociedade, pode ser uma forma de construir a paz. O teatro não tem a função de converter ninguém, nem de manipular o pensamento, mas pode ser um espelho quebrado de como funcionamos, enquanto indivíduo e sociedade. Pode alterar as lógicas e abrir espaço para uma forma distinta de enxergar a realidade, ou proporcionar um instante de bom divertimento em assembleia. No final das contas, o Nuon é uma peça que já fazia sentido, porque trata de uma questão mundial, mas hoje, no Brasil, ela faz mais sentido ainda”, avalia Ana Rosa Tezza.

A publicação vai ganhar, em novembro, uma versão em audiolivro. Um QR Code na contracapa do livro vai direcionar para o lançamento. O projeto Publicação Literária Nuon, filme e livro, foi financiado pela Lei de Incentivo à Cultura e é uma realização da Ave Lola Espaço de Criação e Governo Federal, por meio do Ministério do Turismo e da Secretaria Especial da Cultura. Patrocínio: Nórdica, Tratorcase Máquinas Agrícolas, Plast Pack, Serdia, Tratornew. Instituição Beneficiada: Hospital Pequeno Príncipe (HPP).

Serviço:
Lançamento do livro Nuon – Dramaturgia e Memórias do Processo de Montagem, com distribuição gratuita no drive-thru da Ave Lola
Local: Ave Lola Espaço de Criação (Rua Marechal Deodoro, 1227)
Data: 7 de agosto
Horário: das 15h às 18h
Site: www.avelola.net.br

Crédito da foto: Maringas Maciel

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário